PLURAIS METAFÔNICOS

Na Língua Portuguesa, há palavras que apresentam “o” fechado tônico no singular e, quando passam ao plural, esse “o” passa a ser pronunciado com timbre aberto.

 

É o que ocorre, por exemplo, com “olho” / “olhos”. Perceba que, no singular, pronunciamos o primeiro “o” fechado”; no plural, o primeiro “o” é aberto.

 

Damos a esse fenômeno o nome de PLURAL METAFÔNICO (meta = mudança + fônico=som).

 

Listo a seguir alguns casos de plurais metafônicos:

 

Abrolho – abrolhos

Antolho – antolhos

Caroço – caroços

Choco – chocos

Corcovo – corcovos

Coro – coros

Corpo – corpos

Despojo – despojos

Destroço – destroços

Esforço – esforços

Fogo – fogos

Forno – fornos

Foro – foros

Fosso – fossos

Imposto – impostos

Jogo – jogos

Miolo – miolos

Olho – olhos

Osso – ossos

Ovo – ovos

Poço – poços

Porco – porcos

Porto – portas

Posto – postos

Povo – povos

Reforço – reforços

Rogo – rogos

Sobrolho – sobrolhos

Socorro – socorros

Tijolo – tijolos

Torto – tortos

Troco – trocos

Troço – troços

 

(Fonte: BECHARA, Evanildo. Moderna gramática portuguesa. 37ªed. Lucerna: Rio de Janeiro, 2010)

 

O professor Evanildo Bechara, na mesma obra acima mencionada, destaca também que as palavras a seguir não sofrem metafonia, permanecendo com “o” fechado no plural: acordo, adorno, almoço, alvoroço, arroto, boda, bojo, bolo, bolso, cachorro, caolho, coco, contorno, esboço, esposo, estorvo, ferrolho, fofo, forro, gafanhoto, globo, gorro, gosto, gozo, horto, jorro, logro, morro, repolho, rolo, sogro, soldo, sopro, soro, toco, toldo, topo, torno, transtorno.

 

Algumas palavras, apesar de sofrerem metafonia no plural, quando são nomes próprios (normalmente sobrenomes), permanecem com “o” fechado no plural. Ou seja: ainda que “porto” (substantivo comum) sofra metafonia no plural (portos), isso não ocorrerá se “Porto” for um substantivo próprio (Os Portos compraram uma casa na minha rua.).

 

Fique agora com um vídeo sobre o tema:

 


Um beijo e até a próxima!

Prof.ª Dr.ª Patrícia Corado

Tags
AVÓ, AVÓS, PLURAIS METAFÔNICOS, Plural
2 Comentários
  • Rogerio Carneiro Campello
    Postado 10:17h, 17 agosto Responder

    A dificuldade está em que , no caso de avô, temos a única palavra oxítona que sofre a metafonia (acho que não existe outra). Todos os outros exemplos são de palavras proparoxítonas.
    O de trôco é trócos? Não sabia. Se bem que seja difícil alguém usar troco no plural; o troco é uma palavra que já se refere a algo que pode ser plural: quinze centavos são “troco” do mesmo jeito que um centavo.

  • Brian Gould
    Postado 14:08h, 17 junho Responder

    Obrigado, Patrícia. Como estrangeiro, sofro frequentemente com esta dúvida, em particular (não sei por quê) com a palavra “olhos”. Se me permite, observei um pequeno erro de revisão na lista acima: o plural de “porto” aparece como “portas”.

Postar um comentário